06/07/2024
ENTRETENIMENTO

 

Cadela


Após oito anos de serviço no Canil da Polícia Militar do Piauí, a cadela Mel, labrador fêmea, "se aposentou" e ganhou um novo lar. Nascida em 24 de Março de 2016, Mel foi um animal indispensável em inúmeras operações, destacando-se em especial na detecção de explosivos  e ações policiais.

Anos depois, a Mel assumiu uma nova missão, desta vez de cunho social, trata-se da “Cinoterapia”, uma forma de terapia que utiliza cães para auxiliar idosos, crianças e indivíduos com autismo em seus tratamentos médicos. Ao longo de sua jornada na PMPI, a carismática Mel serviu com distinção nos quadros do BPRONE, CPÃES e na 3ª Companhia do BPCHOQUE.

WhatsApp Image 2024-04-29 at 13.56.40.jpeg


O Capitão Frota, Comandante da 3ª Companhia do BPCHOQUE, relembra que ela foi treinada inicialmente para detectar explosivos pelo sargento Onoildo e, posteriormente, devido à sua natureza dócil e tranquila, foi designada para a cinoterapia. "Toda vez que havia solicitações de escolas ou grupos de crianças, uma equipe de policiais acompanhava Mel para uma apresentação sobre as funções do nosso canil. Mel sempre teve um contato direto com as crianças, permitindo-lhes fazer fotos, carinhos e brincadeiras", explicou o capitão. 

Depois de um tempo, a cadela entrou em inatividade na corporação. Hoje ela está aposentada e foi adotada pela própria veterinária do canil da PMPI.

 

piauidobem.com (c) 2017 - Todos os direitos reservados.